quinta-feira, 21 de outubro de 2010

DIÁRIO DE BORDO: E ESTA CONFUSÃO?...

                                                                                   JORGE BICHUETTI
Uma vida sofre os trnstornos do mundo? Que fazer?
Se reprimimos num hospício, nada mais fazemos do que adiar o problema. complicando-o com os estigmas da marginalização.
Podemos acolher os que estão em crises caóticas?
Sim, sim e sim....
A loucura sempre só é inacessível, distante dos dispositivos de acolhimento onde cabe a diferença.
Um momnto de sedação é necessário? Quase sempre.... pois tememos a irrupção desconhecida, que embora traga novos alvoreceres, nos é estranha e está manifestando-se numa língua estranjera.
Acolher é amar, partilhar, comprender, e se solidarizar... Não é sobrecodifificar, interpretar, racionalizar...
Um abraço é mais eficiente que um agente químico de contenção.
O amor terno e carinhoso contêm... e acolhendo, cuida...
                                                              ****
O mundo sofre os trantosnos da vida? Que fazer?
Tenho a consciência de ter falado, escrito tudo o que me cabia....
Tranquilo. não estou; porém,. não desejo roubar dos outros a sua autonomia de traçar o próprio destino.....
                                                              ****
E eu? Fico com minha esperança.... É, assim, que vivo e enfrentarei  este novo problema.
                                                              ****
E, agora, José?... Passou.... Já manifestei meu voto, meu sonho: Com pesares, não noto outra alternativa para minha gente: o  caminho é DILMA PRESIDENTE...
                                                              ****
O probema é outro: que Brasil queremos?
Quero afirmar, quem o Brasil que esperamos é:
- Solidário, generoso, terno, de direitos humanos , ecológico e de inclusão social.
Quero o fim das desigualdades sociais,  quero a paz mundial...
                                                           ****
Aprendi, se o meu sonho não for o sonho do meu povo, sobreviverei ,só queria pedir, que mesmo desiludido, eu não deixasse de por ele lutar...

10 comentários:

Marta Rúbia de Rezende disse...

Para Jorge Bichuetti
Loucos os que inventaram o amor. Desdobrei seu post no Louco que há em mim. www.uzinamarta.blogspot.com

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

assim, vamos... marta, um dia conseguiremos um sonho meu: uma produção conjunta. Abraços jorge

Marta Rúbia de Rezende disse...

o sonho é aqui e agora. Intempestivo! um raio, um clarão, um a-fundamento, um acontecimento.

Marta Rúbia de Rezende disse...

Jorge, essa não precisa publicar, né?

Vou a Uberlândia visitar meu povo e passarei aí dia 30/10 - sábado que vem. Se puder, vá jantar comigo no Shelton, onde vou me hospedar.

Ficaria aí no sábado. E aí pensei que a gente podia gravar uma entrevsita sobre esquizoanalise e o CAPS. Podemos fazer mais que uma entrevsita. Colher um material para um futuro documentário. Devires. Levarei um câmara , acho que é por aí.

Me confirme se pode então essas duas coisas: jantar no dia 30 e trabalho !!! no dia 31. Ou uma só delas. Tá bom se vc puder ao menos jantar.

Meu celular : (11) 9370-0496

Shelton Hotel: Av. Filomena Cartafina, 152 - Jardim Recreio dos Bandeirantes
Fone: (34) 3331-6300

Samara disse...

Mais Uma Vez
Legião Urbana
Composição: Renato Russo

Mas é claro que o sol vai voltar amanhã
Mais uma vez eu sei
Escuridão já vi pior de endoidecer gente sã
Espera que o sol já vem.
Tem gente que está do mesmo lado que você
Mas deveria estar do lado de lá
Tem gente que machuca os outros
Tem gente que não sabe amar
Tem gente enganando a gente
Veja a nossa vida como está
Mas eu sei que um dia a gente aprende
Se você quiser alguém em quem confiar
Confie em si mesmo
Quem acredita sempre alcança!
Mas é claro que o sol vai voltar amanhã
Mais uma vez eu sei
Escuridão já vi pior de endoidecer gente sã
Espera que o sol já vem.
Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena
Acreditar no sonho que se tem
Ou que seus planos nunca vão dar certo
Ou que você nunca vai ser alguém
Tem gente que machuca os outros
Tem gente que não sabe amar
Mas eu sei que um dia a gente aprende
Se você quiser alguém em quem confiar
Confie em si mesmo
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!

Mas é claro que o sol vai voltar amanhã, Jorgito!!! Escuridão, nunca mais... Não é mais sonho, daqui em diante, somente luz... beijos

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Sim Marta querida, o sonho é a amagia do novo que se realiza na luta , hoje, por nós, com a potência do acontecimento e, assim, nos tira do cronos e do aion e nos permite vivciar o Kairós, o tempo indígena do acontecinento. abraços jorge

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Nos comunicamos: não iemos perder a oportunidade de um bom encontro. meu telefone é 0**34-99718915. beijos.
jorge

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Samara que falta me faz o Legião Urbana. Traduziam nossa coragem, nossos medos e, principalmete, desejos-sonhos de uma vida livre-alvorescente. abraços jorge

Marta Rúbia de Rezende disse...

Jorge, no meio da noite me lembrei que dia 31 tem eleição. E eu não vou perder de votar na Dilma. Então adiei tudo por uma semana. Se os anjos conspirarem a favor, estarei em Uberaba nos dia 07 e 08Talvez meu filho vá comigo, mas se não for gostaria que vc tentasse alguém para fazer o trabalho de câmera. Gravar a nossa conversa, o nosso passeio. Quero ficar solta, sem me preocupar com a técnica. Quem sabe vc descola uma pessoa esperta, um paciente do CAPS ou outra pessoa que goste da idéia e tenha noções de uma câmera de vídeo. Vou mandar por e-mail uma idéia inicial de como tô pensando essa gravação, em linhas gerais, linhas de fuga. Expansão de corpos sem órgãos. Horas aceleradas, horas lentas, mas sempre macias.

Valeu . Kairós.
abração
Marta

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Marta, tudo dará certo, mas conversando. Um carinhoso beijo abraços e a ternura de sempre jorge