quarta-feira, 22 de junho de 2011

POESIA: A SOLIDÃO DA LÁGRIMA

                            ESTA LÁGRIMA SOLITÁRIA
                                                                 Jorge Bichuetti

Uma lágrima cai solitária e inunda
a vida, o caminho e o horizonte...
Cai silenciosa... longe das cantigas,
das palavras... e no silêncio
rumina as lembranças  da roda
de risos, flores, violas e amores...

A solidão é uma lágrima silenciosa...

Na solidão, a vida ecoa sibilante;
não vê além, nem enxerga perto...

A solidão é caminho estagnado 
no passado no perdido no partido...

Silenciosa, ela é imagens cristalizadas na retina.
Ausência povoada de histórias e um vendaval
de desejos e planos sepultados num adeus...

A solidão é uma lágrima silenciosa;
água corrosiva pela acidez... da desilusão.


                      DESENCONTRO
                                             Jorge Bichuetti

Minha mão vazio procura
no ar teu cálido carinho e
nada encontrando chora
a tua ausência e a tua presença...

Partiste e  vives a alegria 
noutros campos e junto
de outros novos amores...
Mas do peito não saíste... estás
presente num silêncio torturante
e numa incorporeidade vã...

Tua sombra me tortura, porém,
também, me faz companhia e, assim,
somos o amor perdido, ainda que eternizado
nos favos doces e ternos arquivados
no baú das inesquecíveis lembranças...


                          POEMETOS

                             METAMORFOSE
                                                   Jorge Bichuetti

louco móvel
turbina do
                infinito...

                                   CAOS
                                        Jorge Bichuetti

tripas da vida
              maltrapilhos
da rua
              angelitudes
do luar

no caos
              as estrelas
no chão
              novos deuses
crucificados
      so-li-dão
um vintém
             de ilusão

                                  ROSA
                                       Jorge Bichuetti

Rosa, flor; Rosa, mulher...
no caminho um perfume
uma paixão do luar e
um carinho do céu...


                         LÁGRIMA CELESTIAL
                                                Jorge Bichuetti

choro o povo a ferida
na asfalto caída dor e
solidão - o desamor
não vê a lágrima que
agoniza indigente e
solitária na calçada -
calvário do povo da rua;
capela da liturgia singela
do menino esfomeado
que no corpo nos revela
a vida do Homem-Cruz...


UNIVERSIDADE POPULAR JUVENAL ARDUINI - EDUCAÇÃO EM MOVIMENTO NO CAMINHO DA LIBERTAÇÃO...
05/07/2011 - GRUPO DE ESTUDOS DAS OBRAS DE JUVENAL ARDUINI. 19 HORAS
09/07/2011 - ENCONTRO MENSAL -= CURSOS E OFICINAS DA Upop-JA

                          a vida voa nas asas da liberdade

9 comentários:

Rosi Alves... disse...

Que deus continue sendo a tua sombra te inspirando esses belos e emocionantes poemas! Te love um dia recheado de amo e muita paz sempre.

VEJO UM ANJO DE LUZ
SORRI Ternamente
E TOMA CONTA DO SEU CORAÇÃO
CONDUZ SUAS MÃOS A COMPOR
AS MAIS BELAS LINHAS DE AMOR

NESSE AMOR NÃO EXISTE EGOÍSMO
APENAS UTOPIA FLORESCENDO
PELA BUSCA DA LIBERDADE E PAZ
ONDE SE CRUZA AS MARES DA FÉ

PASSA UM RIO NO CORAÇÃO DO POETA
TEM UMA FLOR QUE FLORESCE INTENSA
TEM UM SEGREDO UM MISTÉRIO RUPTURA
UMA VIAJEM QUE NÃO TEM MAIS FIM

FOGO INCONQUISTADO PELO SOCIAL
EXCESSO DE CONSCIÊNCIA PELA BUSCA
DAQUELES QUE JULGA NÃO TER TEMPO
PARA A MUDANÇA DE UM MUNDO MELHOR

EU VEJO ESSE ANJO TODOS OS DIAS
EM UM BLOGUE CHAMADO UTOPIA ATIVA
ONDE AS FOLHAS MORTAS GANHAM VIDA
A NATUREZA CASTIGADA TENTA VIVER
(Rosi Alves)

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Rosi: guardarei este poema para ler todos os dias, dias como hoje de corpo febril, coriza e fragilidade... A gripe me pegoue me pegou junto com problemas no computador - rotina da luta. Seu poema chegou como a chuva no cão sedento.
Abraços ternos, minha gratidão. jorge

Rosi Alves... disse...

Meu querido desejo melhoras,fico muito feliz que tenha gostado tão simples mais cheio de sentimentos.um abraço no seu coração!

Rosi Alves... disse...

Jorge se cuida essa época do ano e danada para dar gripe beijo não precisa aceitar esse comentário

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Rosi: amei e com a gripe, o feriado longo, me encontra no leito... mas vou melhorandoe refazendo meus caminhar; abraços com carinho, jorge

RZorpa e Loubah Sofia disse...

Como estais meu Amigo querido?
Oxalá que já tenhas melhorado um pouco.
Passei para deixar-te um carinhoso abraço a saber de tua saúde, logo voltarei para comentar-te devidamente como respeito e admiração que cada obra tua merece.
Tenho muito a contar-te.

Até logo mais,ficas bem sim?

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Amiga: ando melhor; já na caminhada, com um pequeno repouso residual... mas, cheio de fé, esperança e carinho. Abraços ternos, jorge

RZorpa e Sofia disse...

http://dc107.4shared.com/img/710576803/2cb2df3a/dlink__2Fdownload_2FDNgLjOZ3_3Ftsid_3D00000000-000000-00000000/preview.mp3&

Com carinho e saudades...

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

MEUS ABRAÇOS E GRATIDÃO, JORGE