domingo, 31 de julho de 2011

MESTRES DO CAMINHO: A HUMANIDADE POÉTICA DE CECÍLIA MEIRELES

                                       REFLEXÕES:

- "Há pessoas que nos falam e nem as escutamos, há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam mas há pessoas que simplesmente aparecem em nossas vidas e nos marcam para sempre."

- "Aprendi com as Primaveras a me deixar cortar para poder voltar sempre inteira."

- "Tenho fases, como a Lua; fases de ser sozinha, fases de ser só sua."

- "De longe te hei de amar- da tranquila distância em que o amor é saudade e o desejo, constância."

                              CECÍLIA MEIRELES

2 comentários:

Hermenêuticas de Lou disse...

Maravilha de ditos... Beijinhos de madrugada florida... Lou Moonrise.

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Lou: grandiosos; abraços com carinho e paz, muita luz...jorge